5 Estrelas,

( Resenha ) Uma Vez na Vida de Marianne Kavanagh @UnicaEditora

20 abril Joss 3 Comments

Única Editora


Clique na capa e compre o livro na Saraiva

Leia a sinopse, AQUI.

Resenha



Tess é uma londrina que vive uma vida boemia, sem pensar muito no futuro. Vive e curte a vida sem saber ainda direito que rumo seguir. Ela namora Dominic e os dois tem um namoro meio morno. Ele é muito racional e pensa muito em estabilidade financeira, mas não é romântico, nem carinhoso e é odiado por Kirsty, melhor amiga de Tess. As duas moram juntas curtindo a vida sempre rodeadas de amigos e bebidas. Kirsty é uma mulher muito divertida. 
Tess não entendia porque as pessoas falavam de seus relacionamentos com toda aquela paixão ou loucura, afinal seu relacionamento era razoável, mas ela não queria admitir isso.

“Às vezes me sinto uma criança perto de você. Você sabe o que está fazendo. Sabe aonde está indo. Mas, eu na verdade, não tenho a mínima certeza do que está acontecendo. Quando estou com você, não me preocupo. A gente se deita na cama, nos finais de semana, pele com pele, naquela satisfação úmida, e minha mente vagueia como uma pena. O sexo é doce e intenso, como creme de leite ou caramelo líquido. Ele encobre nossa ansiedade. Mas, a certa altura, é preciso se levantar, sair e caminhar sozinha até o metrô, e daí começo a pensar, à medida que a excitação vai baixando, o que exatamente estou fazendo? Aonde estou indo? Será que esta é a direção certa ou deveria estar indo para outra direção?” 

George é um músico frustrado, adora tocar com sua banda e espera ansioso pelo dia em que o sucesso vai bater em sua porta. Mas enquanto esse dia não chega ele continua nos trabalhos não tão temporários assim...

“Era a convicção crescente de que havia feito uma confusão em sua vida, que era um fracasso, que em algum ponto ao longo do caminho havia pegado a trilha errada, ou feito a escolha errada, e agora estava diante de uma parede de tijolos, sem saída.” 

George e Tess tem muitos amigos e afinidades em comum, estilos e gostos parecidos e quase se encontram em várias ocasiões. 

A melhor amiga de Tess conhece George e a todo momento fala que ele é sua alma gêmea, como os dois se dariam super bem e como tem tudo a ver um com o outro, e tenta promover alguns encontros entre os dois, mas que por razões diversas, acabam nunca acontecendo.

Os dois seguem suas vidas sem muito entusiasmo aceitando o pouco que suas relações amorosas lhes oferecem. E acabam acomodados nesta situação. Suas vidas vão se desenrolando sem que seus sonhos se realizem, sem que tenham suas paixões e corações preenchidos, tudo parece meio enrolado e embolado e nada faz muito sentido mas eles vão continuando assim... se frustrando no caminho. Ela com seu emprego e relacionamento garantido, mas que não lhe dão paixão. E ele tentando trilhar o caminho com sua música, mas também sem grandes emoções e somente garantindo um sustento dentro de um relacionamento sem afinidades. 

E quando os dois estão seguindo, trilhando e construindo suas vidas e relações amorosas separados, eles enfim se encontram. E é aí que a mágica acontece, o reconhecimento, as afinidades, os gostos, o coração voltando ao lugar ao qual pertence, a paixão, o amor.... mas os dois  ainda estão comprometidos com seus pares... 

E agora o que fazer???

Eles já assumiram compromissos, como voltar atrás??

O livro é uma delícia! 
Super bem escrito, recheado de cenas engraçadas.  A narração vai alternando a história dos dois e a gente vai torcendo para que eles logo se encontrem na próxima página. 

Ler Uma Vez na Vida me fez refletir... Estamos à deriva ou perseguindo nossos sonhos? 

“Quando você tem a chance de ser feliz, talvez seja seu dever agarrá-la e segurá-la. Caso contrário você não vive realmente; só conta o tempo”


3 comentários:

  1. Hum parece ser um livro interessante que fala de irresponsabilidade, permissividade, frustrações. Gostei da ideia, da ideia de não ter certeza sobre a vida, de vivê-la.
    Parece ser bem legal

    ResponderExcluir
  2. Logo de cara eu não daria muita coisa por esse livro não, mas adorei saber que você gostou e que ele é bem escrito. Parece ser ótimo. Vou colocar na minha lista de aquisições futuras. kkkkkkk
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Deve ser divertido, fiquei curiosa com essas cenas engraçadas. Acho que Tess e Dominic se acostumaram com esse namoro morno, essa vida cotidiana, acho que isso nos leva a refletir sobre a nossa também. Gostei da historia gostaria de ler.

    ResponderExcluir