( Resenha ) Inseparáveis - Livro 3 da Trilogia Apenas uma Noite de Kyra Davis @Suma_BR

Suma de Letras

Clique na capa e compre o livro na Saraiva

Leia a sinopse, AQUI.

Resenha


O toque de veludo na minha pele faz pouco para suavizar o impacto das palavras dele. As coisas que esse homem gosta em mim  não são as coisas certas ... São?

Kasie e Robert Dade continuam com seu relacionamento intenso e carregado de jogos de poder e sexo. Ela está apaixonada por ele, mas começa a perceber que sua relação afeta outras partes de sua vida.

Seu chefe Tom é despedido por influência do Sr.º Dade e logo após, Kasie assume seu cargo, o que é inesperado e assustador. O poder e influência que Robert Dade excerce sobre tudo e todos deixa Kasie atordoada, porém o poder também pode ser muito sedutor.

Kasie se deixa envolver em tudo o que as promessas de Robert Dade lhe fazem sentir. E passa a agir de maneira arrogante e prepotente. Passa a ver o mundo e as pessoas sobre o prisma de seu amante sedutor e a ordenar sua vida a partir disso.

Até que percebe seu erro, quando vê que várias pessoas estão sendo, realmente prejudicadas pela influência de Dade e sempre com o objetivo de vingança. Kasie se vê então como responsável por tudo.

E agora, ela seria capaz de reverter tudo o que foi feito para vingá-la? Seria capaz de consertar os erros que ela mesma cometeu? Crescer usando o medo como bengala seria a resposta para sua ambição?

Você pode impedir os discursos, mas não pode deter os murmúrios. Esse é o custo de governar pelo medo.

E se abrisse mão de tudo, precisaria deixar Robert Dade e afastar-se dele seria algo difícil e até mesmo doloroso.

Não acendo velas; não há fogo na lareira, nenhum vestido de veludo nem correias de couro. Hoje, rejeito a fantasia. Hoje, quero a verdade.

Inseparáveis me surpreendeu. Neste último livro da Trilogia Apenas uma Noite conhecemos melhor Robert Dade e vemos do que ele é capaz. Ele, assim como Kasie, tenta se afastar de um passado com lembranças ruins e traumáticas. Ambos não querem se lembrar ou ser lembrados das pessoas que fizeram parte de seu passado e talvez com ajuda um do outro e do sentimento que surge entre eles, possam finalmente encarar esses medos e vencê-los.

Kasie se deixou levar pela sedução do poder, mas com o tempo passou a se questionar  e a questionar as atitudes de Robert. Ela me surpreendeu, por conseguir refletir sobre o momento, seu relacionamento e seu erros.

Acho que a química entre o casal fluiu melhor neste livro e Dade continua desafiando Kasie a experimentar muito de suas fantasias. As cenas são intensas e interessantes.

Quando me afasto estou tremendo. Olho fixamente para Robert enquanto ele põe o limão em um guardanapo de coquetel. Genevieve está atrás dele, seus olhos faiscando perigosamente enquanto ela apoia as mãos nos ombros de Robert e se inclina para o ouvido dele. Em um sussurro calculado, ela diz:
- É a sua vez, sr. Dade.( ... ) 
- Deite-se Kasie - diz ele, em um tom calmamente autoritário.

Ver o crescimento emocional dos personagens e também o amor que aparece no meio de tantas manipulações e jogos de poder foi interessante.

Adorei e recomendo! 


Saiba mais sobre a Trilogia




Nenhum comentário

Postar um comentário

© BLOG CLÃ DOS LIVROS- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por