5 Estrelas,

( Resenha ) Rock Star - POV de Kellan Kyle Série homônima de S.C Stephens @edvalentina

09 dezembro Clã dos Livros 0 Comments

Editora Valentina

Clique na capa e compre o livro na Saraiva

Leia a sinopse AQUI.

Resenha


Quem já leu Intenso Demais, Complicado Demais e Perigoso Demais, já conhece bem os protagonistas de Rock Star.


Rock Star repete o enredo de Intenso Demais, onde Kiera se envolve em um perigoso triângulo amoroso, com seu namorado e um grande amigo dele, Kellan.



No primeiro livro da Série (e nos outros dois também) a história é toda contada pelo ponto de vista de Kiera, já nessa, vemos o ponto de vista de Kellan Kyle, o roqueiro gato que conquistou meu coração, o de Kiera e de muitas outras fãs.


Quem não leu os livros anteriores, vai acabar se deparando com spoilers, então recomendo que leiam a resenha de Intenso Demais AQUI, e não continuem a ler esta.

Kellan é um personagem carente e extremamente atraente, que tem um passado de violência e privação de afeto. Ele joga suas frustrações e sua carência afetiva nas relações sexuais que tem, e as têm constantemente. Porém nunca deseja continuar com as mesmas mulheres, por quem não consegue criar vínculos. Kellan sabe que elas só o enxergam como um corpo e isso não o seduz de verdade.

Quem elas eram não importava, eu só queria saber se estavam interessadas. Isso provavelmente não me parece uma coisa boa de se admitir, mas era a pura verdade. Sexo era uma válvula de escape para mim.  Ele me fazia sentir parte de algo maior do que eu; ele me fazia sentir conectado ao mundo à minha volta. E eu precisava me sentir desse jeito, porque minha vida era cheia de espaços vazios.

Porém seu grande amigo Denny chega da Austrália e para economizar, se muda para a casa de Kellan, junto com sua namorada, Kiera. E é ao ver, dia após dia o relacionamento cheio de afeto dos dois, que Kellan sente-se balançado. Além de sentir uma grande atração e encantamento por Kiera, Kellan vê nos dois a relação que sempre sonhou, mas que para ele parecia impossível. 

Procurando manter-se afastado dela, Kellan resiste durante algum tempo, mas a proximidade de Kiera, ao se ver carente sem Denny, faz com que ele, mesmo com grande culpa, não resista. Os dois se envolvem em uma relação muito excitante de grande atração sexual, misturada com as emoções e amor de Kellan.

A paixão entre nós se agitava sob a superfície, fervendo lentamente. Mergulhávamos nessa sensação às vezes, (...) 

Ele luta muito internamente e procura se controlar em várias situações, pensando em Denny, por quem tem enorme amizade e gratidão, mas Kiera não contribui e faz um jogo muito ruim com os dois, mantendo Kellan amarrado, mas sem dar-lhe esperanças reais e escondendo tudo de Denny.

- Não faça isso - sussurrei para mim mesmo entre nossos lábios famintos.
Isso só vai nos machucar ... nós três. Seja forte o suficiente para impedir. Pare com isso agora mesmo.

Ao longo das páginas, revivi sentimentos que foram muito fortes para mim ao ler Intenso Demais. Uma certeza de que Kiera era a verdadeira culpada por todo sofrimento vivido por todos. Não estou sendo machista ao fazer esta afirmação, mas sim consciente de que ela era a única capaz de dar um fim ao que estava acontecendo, decidindo-se. Tomando alguma atitude.

- Eu não quero essa ... estranheza ... entre nós. Será que ... que ainda podemos ser amigos? De verdade, apenas amigos?
Com um ar de humor negro nos lábios, olhei novamente para ela.
- Você vai mesmo fazer o discurso "vamos ser amigos" para mim?
Ela sorriu e meu coração doeu um pouco. Ela era linda e estava tão fora de alcance.

Kellan tenta de tudo. Conquistá-la e deixá-la, mas ela sempre dá um jeito de não resolver nada e não permitir que ele se afaste.
Esta claro que não morro de amores por Kiera, mas ela não é uma mulher falsa e manipuladora, como pode parecer para quem lê esta resenha... na verdade é uma mulher extremamente insegura e imatura, que não sabe o que quer e acaba levando os dois homens que ama, a um grande sofrimento.

De qualquer maneira, AMO Intenso Demais e me apaixonei ainda mais por Rock Star, por poder conhecer mais de Kellan, seu passado, seus sentimentos, sua inocência em alguns momentos e sua grande luta pelo amor, aceitação e carinho. 

Sem todos os problemas criados por Kiera, essa história não existiria e eu não teria vivido essa avalanche de emoções, que ora me fazia sorrir, ora me fazia vibrar de excitação (porque vamos combinar ... Kellan é Kellan <3 ), ora me fazia odiar e chorar.

Quando eu me prolonguei num estado que ficava em algum lugar lugar entre a vigília e o sono, comecei a sonhar. No meu sonho, Kiera me abandonava. Estendi a mão para ela e pedi:
- Não ... - mas mesmo assim ela me deixou. No final, ela sempre me abandonava.

Então a combinação de atitudes e emoções escrita por S.C. Stephens merece 5 estrelas. O livro é todo narrado em primeira pessoa por Kellan Kyle e é quente, mas esse não é o foco principal do enredo, e sim o drama vivido pelos personagens. 

Amei Rock Star e me apaixonei um pouco mais por Kellan Kyle, se é que isso é possível.

Fãs da Trilogia, leiam!

Saiba mais sobre a Série AQUI.



0 comentários: