4 Estrelas,

( Resenha ) Luta Comigo - Livro 2 da Série With me in Seattle de Kristen Proby @EditoraCharme

05 janeiro Clã dos Livros 22 Comments


Editora Charme

Clique na capa e compre o livro na Saraiva

Leia a sinopse AQUI.

Resenha






Jules Montgomery é uma mulher inteligente e linda. Criada com quatro irmãos, sabe se defender como ninguém, mas talvez tudo o que aprendeu não tenha sido o suficiente para resistir ao seu chefe sexy.

Nate McKenna é executivo da empresa e chefe de Jules. Ele sempre se interessou por Julianne, mas se manteve sério até o dia no qual saíram juntos, após um jantar da empresa. Eles tiveram uma noite inesquecível e logo depois Jules se afastou. A empresa onde trabalham não admite relacionamento entre funcionários e isso mantém os dois afastados durante alguns meses, porém ficar longe da linda loira não faz parte dos planos de Nate.

Nate acaricia minha bochecha com o dorso dos dedos, e seus olhos cinzentos ficam mais suaves.
- Então, o que você diz? Passa o fim de semana comigo?

Nate consegue convencê-la a passar um fim de semana junto com ele e a partir de então, o casal passa a se ver com frequência, porém sempre escondido de todos no trabalho e isso é um dos obstáculos que atrapalha a frágil relação dos dois.

(...) Eu quero esse homem e, por algum milagre, ele me quer também. Podemos seguir em frente com isso, seja lá o que for, e manter o assunto longe do trabalho?

Problemas do passado e a insegurança de Jules, acabam fazendo nossos protagonistas verem sua relação balançada.

Julianne é linda e muito assediada, mas ainda assim sente-se insegura e pensa que em vários momentos, Nate vai deixá-la. Ela também é uma amiga fiel e muito ligada à família. Claro ... ela é uma Montgomery <3

Depois de um tempo percebe que está mesmo apaixonada por seu chefe, um homem lindo, extremamente protetor e que já foi campeão de MMA (OMG ! Eu também me apaixonei. Amo lutadores).
- É só você Julianne. Sempre vai ser só você!
Nate é o que podemos chamar de Homem ( aquele com H maiúsculo ). Ele é lindo, másculo, tatuado, lutador, chefe e super, hiper, mega apaixonado. Faz tudo para agradar Jules e deixá-la feliz, mas volta e meia se depara com a partida da moça, que foge de algumas situações sem deixá-lo se explicar. Mas como disse, ele é um lutador e não desiste dela, nem mesmo após encarar os irmãos Montgomery. 

Não poderia deixar de falar sobre os laços fraternais lindos e fortes que vemos nas cenas com todos da família Montgomery e seus amigos. Esse é sem dúvida, um dos pontos fortes da série.

Em Luta Comigo também vemos muito de Nat e Luke, protagonistas do livro 1, Fica Comigo. 

Confira a resenha de Fica Comigo AQUI.

O enredo é gostoso, com romance, paixão, alguns dramas e pequenos conflitos e recheado de cenas eróticas (um pouco demais). O livro é todo narrado em primeira pessoa por Julianne.  A diagramação é linda, assim como a capa que combina com as anteriores da Série.

Eu adorei e recomendo!


22 comentários:

  1. Bem o meu estilo de leitura , só não sei se vou gostar muito da Julianne se ela ficar com muita frescura . E sobre ter muitas cenas eróticas... Adoooro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é cheia de frescuras, tadinha da Julianne, rsrsrs. Ela é um pouco insegura, mas gostei dela como protagonista.

      Excluir
  2. Parece interessante, mas acho que já me cansei um pouco de romances desse gênero, sabe, se apaixonar pelo chefe, ser insegura, mesmo sendo linda. Porém, acredito que sempre devemos dar uma chance, quem sabe não gostamos!
    Adorei a resenha e já estou seguindo o blog.
    Beijos!
    http://www.magiaesonhar.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Apesar de ter um clichê, o livro é muito gostoso e tem um enredo bem conduzido.
      Eu adorei ;)

      Excluir
  3. Oi Marissa, sua linda, tudo bem?
    Vou gritar junto com você: OMG!!! Eu não sei, desde o primeiro livro que eu li com lutadores, foi amor à primeira vista por eles, risos...E ainda é mega apaixonado? Marissa, coloque as luvas e prepare-se: iremos disputá-lo, risos...Eu acho que Jules está insegura demais, perdeu, já é meu!!!!! Não vejo a hora de ler esse livro!!! E você já viu quem será o protagonista do próximo livro da série? Adorei sua resenha!!

    Te indiquei para um prêmio:
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/2017/01/o-cantinho-foi-indicado-premio-dardos.html

    beijinhos.
    cila.

    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é demais! Super apaixonado! Amei <3
      Espero que você goste também ;)

      Excluir
  4. A premissa do livro e muito bacana, adoro quando o mocinho e apaixonado pelo personagem e faz de tudo para conquista mesmo sabendo que o amor e proibido, ainda sim não consegue desistir. Enfim, esse e um livro que gostaria de ler se não fosse as cenas hot, que tem até de mais na trama. Porém para quem gosta e uma ótima indicação de leitura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, achei que as cenas eróticas foram muitas, mas pelo que tenho lido por ai a autora evolui na escrita. Seus enredos ficam mais ricos e as cenas eróticas diminuem um pouco. Então... estou esperando quase uma perfeição dos próximos lançamentos da série. rsrsrs

      Excluir
  5. Mulher gostosa com complexo de inferioridade é drama na certa, mas acho que o lutador compensa rs não li nd da Kristen mas amo romance erótico

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então acho que você vai curtir esse Thaynara ;)

      Excluir
  6. Não me interessei muito,mas minha amiga adora livro romance então vou recomendar para ela.

    ResponderExcluir
  7. Confesso que primeiro fui ouvir essa música muito emocionante de Jason Mraz. Linda!

    Masss,quanto ao livro,achei semelhante demais com o Cinqüenta Tons.
    Um chefe lindo de morrer e rico,a personagem feminina linda mais insegura...
    Não sei se eu curtiria!
    Mas se o enredo for bom,até que eu leria.

    Quanto a capa... Que lindo o modelo! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é nada parecido com Cinquenta Tons Janaina. O enredo é muito diferente rsrs
      Pode ler tranquilamente, pois o enredo é bom.

      Excluir
  8. Por favor, abaixo a insegurança das protagonistas lindas e os chefes "poderosos e irresistíveis". Ok, as pessoas gostam e se divertem com livros assim, então espero que agrade o público alvo, apesar da fórmula genérica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É clichê mesmo, mas eu curto e tem um público grande que curte também rsrs Desde que o enredo seja bem desenvolvido, claro!

      Excluir
  9. Oi Marissa.
    Achei a sinopse de Luta comigo muito batida, não tem nada de muito novo ou diferente. Já li Real, onde um dos protagonista é um lutador de MMA, então não fiquei muito interessada em ler esse livro.
    Talvez o ponto forte seria a família Montgomery e acompanhar as interações entre os irmãos/irmã.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A família é sem dúvida algo muito bacana na série, Pamela. Mas a história não é nada parecida com Real da Katy Evans. O protagonista de Luta Comigo é um ex lutador e o enredo gira em torno do relacionamento proibido dos dois e das escolhas que devem ou não fazer.
      bjs

      Excluir
  10. Eu não sou muito fã de livros que apresentam muitas cenas eróticas. O que mais me deixou curiosa foi para conhecer a família Montgomery e como que a Jules fica com o próprio chefe Nate *maravilhoso de lindo deve ser*.

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Li o primeiro livro dessa serie que logo me conquistou e estou bem curiosa para poder ler todos os livros, gostei muito dessa historia já deu para ver um pouco desse casal no primeiro livro e eles logo me conquistaram, estou bem curiosa para conhecer mais dessa família e esse livro está na minha lista de leitura !!

    ResponderExcluir
  12. Oi!!

    Eu não me interesso em nada por romances assim, sabe? No começo estava até passavel, mas quanto mais li a resenha mais torcia o nariz. A menina linda mas insegura, o homem com H maiusculo q é lindo, tatuado, chefe e não sei o que. Acho chatos romances assim :/

    bjbj

    ResponderExcluir
  13. Olá.
    Imagino ser uma boa leitura para quem gosta desse estilo.
    Como não é o meu caso, deixo passar a dica.
    A resenha está ótima.
    Obrigada.
    Beijos.

    ResponderExcluir