( Resenha ) Amor Aprisionado - Livro 0,5 da Série Saints of Denver de Jay Crownover @VREditoras

V&R Editoras
Clique na capa e compre o livro na Saraiva

Leia a sinopse AQUI.

Resenha

Amor Aprisionado é um extra que abre a Série Saints of Denver (Spin Off da Série Homens Marcados) de Jay Crownover. 

Aqui vemos dois personagens que apareceram na série Homens Marcados: Lando e Dom. Para quem ainda não desconfiou, este livro conta uma história homoafetiva. 

Orlando é o sofrido namorado do falecido Remy, irmão de Rule, protagonista do livro 1, Na Sua Pele. Já Dominic é o parceiro de Royal, protagonista do livro 6, Riscos da Paixão. Ele foi ferido em serviço e está em uma lenta e frustrante recuperação.      
Dois homens quebrados que encontrarão um no outro e no amor, a cura para suas tormentas. 

Os dois se encontram quando Dom precisa desesperadamente de algum médico que aceite seu caso. Lando tem uma clínica e além de tratar lesões de famosos do esporte americano, também atende pessoas mais simples e com menos grana. Ele quer fazer a diferença e sempre ajuda, quando pode. (Lindo demais).

Lando aceita tratar Dom, pois vê nele a vontade de voltar as ruas e a dedicação ao trabalho. Porém ele também sentiu uma atração enorme pelo policial em recuperação. Dom é forte, sedutor e muito interessante, mas Lando nunca se envolveria com um paciente. 
Por isso minha reação a Dom foi chocante e emocionante, ao mesmo tempo. Quando vi Remy pela primeira vez e comecei a me apaixonar, foi como me ver cercado (...) bons sentimentos e conforto sem fim. (...) Parecia tão simples e tão natural quanto respirar. Assim que pus os olhos no policial grande e sério, foi como se alguém me atacasse. (...). Minha visão se estreitou e eu só conseguia ver Dom. O que fazia meu sangue esquentar, meu coração bater forte. 

Dom precisa desse tratamento. Ele quer voltar ao trabalho, pois ser policial é sua vida. Mas seu corpo não contribui, por isso, ele vai se dedicar ao máximo, apesar das dores que sente. Porém o desafio mais difícil parece ser quebrar a barreira imposta por Lando, que se afasta de Dom, mesmo sendo claro que está atraído pelo policial.

Lando carrega muitas mágoas de sua relação com Remy, que nunca assumiu o relacionamento deles e teme demais se apaixonar e novamente perder seu amor. A profissão de Dominic é muito perigosa e isso deixa o médico inseguro e reticente. Por isso os dois iniciam um relacionamento muito apaixonado, por insistência do policial e vivem os dias como uma contagem regressiva, como se tudo precisasse acabar com o retorno de Dom às ruas. 
(...) Com Dom, eu não conseguia ver nada além daqueles olhos verdes atentos e meu desejo sem freio. A atração instantânea podia ser divertida e inflar meu ego, mas o que estava rolando entre nós dois parecia maior do que isso. Parecia grande o bastante para competir com o medo que sempre tomava conta quando eu começava a ter sentimentos por alguém.
Esta não é a minha primeira experiência com um livro homoafetivo erótico.  Posso dizer que o enredo flui muito bem e me senti muito envolvida com o romance dos dois, torcendo sempre para que Lando conseguisse traspor a barreira da insegurança e ficasse de vez com o gato do Dom. 

Quem acompanhou a série Homens Marcados conhece a pegada da autora, super sexy e com cenas eróticas bem quentes, mas que também tem uma ótima carga de drama, com deliciosas cenas de amizade e família. Então podem esperar o mesmo deste extra. 

Em Amor Aprisionado vemos muito dos personagens da série anterior e o progresso de suas relações. Muitooooooo amor! 


A capa traz um dos protagonistas em evidência, a diagramação é boa e confortável. O livro é um extra com 183 páginas que merece ser lido, por quem leu a série anterior e certamente por quem deseja ler a nova série. Todo narrado em primeira pessoa, intercalando os pontos de vista dos dois protagonistas. 

Amei e recomendo!

Nenhum comentário

Postar um comentário

© BLOG CLÃ DOS LIVROS- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por