( Resenha ) Cinder & Ella - Livro 1 da Série homônima de Kelly Oram @editorapandorga

Editora Pandorga
Leia a sinopse AQUI.
Clique na capa e compre o livro na Saraiva

Resenha

“O problema dos contos de fadas é que a maioria deles começa com uma tragédia. ” 

 O pai de Ella teve um caso e abandonou a família, quando a filha tinha apenas oito anos de idade. Ella cresceu sem um pai, porém, sua mãe era a melhor amiga que poderia ter.

No entanto, em novembro passado, a mãe de Ella decidiu fazer uma surpresa de aniversário que consistia em uma viagem de fim de semana para esquiar em Vermont. Entretanto, uma tragédia aconteceu. Um caminhão de madeira deslizou pela estrada em direção ao carro no qual as duas estavam. 

“Houve um momento de dor tão intensa que literalmente me fez parar de respirar e, depois, mais nada. ” 
Ella acordou somente três semanas depois, em um centro de queimados em Boston, quando finalmente foi trazida de volta de um coma induzido. Ella tinha queimaduras de segundo e terceiro graus em setenta por cento do corpo e sua mãe estava morta. 
“Tenho pesadelos o tempo todo. É sempre a mesma coisa — algumas imagens distorcidas e uma mistura de sons caóticos, mas fico paralisada de terror e não consigo respirar até que acordo gritando. O terror, em si, é o foco principal do sonho. ” 
Ella passou oito semanas na UTI e mais seis meses em um centro de reabilitação. Depois disso foi deixada aos cuidados do pai, que foi embora de sua vida há dez anos. Ella tinha que viver com ele, com a mulher por quem deixou a família e com as duas filhas pelas quais a substituiu.

A psicóloga de Ella acreditava que ainda não estava pronta para viver sozinha, porque isto poderia colocá-la em perigo de entrar em uma depressão severa. Ella precisava de amigos e somente se conseguisse construir para si um sistema de apoio, a própria psicóloga iria junto escolher um apartamento. 
“Eu precisava de um sistema de apoio e havia apenas um lugar onde eu conseguia pensar em começar. ” 

Ella estava decidida a se reconectar com seu melhor amigo virtual anônimo, Cinder. Enviou um e-mail e, menos de cinco minutos depois, recebeu uma resposta. Logo o mundo parecia mais brilhante, a vida já não era tão ruim e a solidão arrasadora havia desaparecido.

Cinder era na verdade, Brian Oliver, um ator sensação de Hollywood, que se sentia muito desanimado com o rumo que sua vida estava tomando. Até que Ella finalmente entrou em contato e aquele e-mail poderia mudar tudo. 

“— Tudo isso porque uma garota enviou um e-mail?— Ella não é uma garota. Ela é a garota. A única garota. ” 

Um romance encantador, que me conquistou já nas primeiras páginas. Narrado em primeira pessoa pela perspectiva da protagonista, Ella, também possui alguns capítulos pela perspectiva do protagonista, Brian.

A escrita da autora é leve, inteligente e astuciosa. Os personagens são incríveis. Certamente um clichê adorável.

A capa é linda e muito romântica e a diagramação, maravilhosa.

Dou cinco estrelas e recomendo!!!

Um comentário

  1. Esse livro é mt amor!
    Eu achei q fosse mais um livro contando a msm história... que grata surpresa esse livro!!! Eu chorei por Ella, sofri suas dores e me apaixonei!
    Super recomendo esse livro!

    Bjooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

© BLOG CLÃ DOS LIVROS- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por