5 Estrelas,

( Resenha ) O Fim do Mundo é Aqui de Amy Zhang @editorarocco

06 julho Ingrid 0 Comments

https://www.saraiva.com.br/o-fim-do-mundo-e-aqui-10125870.html
Editora Rocco

Leia a sinopse AQUI.

Resenha


 


“Tudo tem um fim. Isso é óbvio. É a parte fácil. É no que acredito: no inevitável, na catástrofe, no apocalipse.”






Micah Carter e Janie Vivian eram melhores amigos desde os primeiros anos da escola. Os dois cresceram juntos e sempre foram inseparáveis, como verdadeiras almas gêmeas, que passavam todo o tempo na companhia um do outro. Eles se completavam de uma forma especial. 

Micah não conseguia identificar quando tudo começou a desmoronar. Ele até arriscaria dizer, que as coisas sempre estiveram fora de contexto. Mas, só percebeu isso, quando Janie Vivian se mudou no último dia das férias, antes de iniciar o terceiro ano. 


Quando acordou no hospital e perguntaram o que aconteceu, era aquilo que Micah contou. A sua última lembrança com Janie, apesar de que por insistência dela, ninguém sabia que eram amigos. 


Havia pessoas internadas por ingestão de fumaça e por coma alcoólico, muitos estavam queimados e muitas das queimaduras eram graves. Entretanto, ninguém explicava o que tinha acontecido com ele, as pessoas só repetiam que houve um acidente. Mas tudo o que Micah mais queria saber era onde estava Janie. 






“Janie declarou um apocalipse.
Ela declarou um apocalipse e disse que eu podia escolher a música.”





Micah acabou dormindo muito por causa dos medicamentos. Enquanto isso, Dewey, seu melhor amigo, estava do seu lado. Dewey era um babaca sem talentos, que fumava um maço de cigarros por dia e jogava vídeo game no volume máximo dentro de um hospital, mas somente ele sabia tudo sobre o que havia acontecido. 


Logo, Micah percebeu que não conhecia Janie tão bem quanto imaginava. A garota tinha outros amigos, como Piper e Ander, dos quais ele ouviu muito pouco. As coisas pioraram ainda mais, quando ele descobriu que ela gostava de Ander e os dois estavam namorando. 


Micha sentia que todos estavam escondendo alguma coisa. A polícia aparecia o tempo todo e ficavam fazendo perguntas sobre o que aconteceu. Talvez, porque achassem que a culpa era dele. 


“— Você não está ficando louco — sussurra ela. — Você sempre foi.”



Micah se perguntava o tempo todo se Janie o estava ignorando, assim como fazia com a polícia. Mandava mensagens, porém, ela nunca respondia. Ele só queria que a amiga explicasse tudo, que voltasse para ajudá-lo a se lembrar, mesmo que a realidade fosse demais para suportar.






“Eu queria que ela voltasse.”






Um romance sensível, intrigante e peculiar. Narrado em primeira pessoa pela perspectiva do protagonista, Micah, permite maior compreensão dos seus sentimentos e uma aproximação maior do leitor. Portanto, é impossível não sentir o que ele sente a todo instante. Sendo os acontecimentos intercalados entre antes e depois, divididos em duas partes. 


A escrita da autora é extremamente reflexiva. Isto, porque ela explora temas fortes, como o suicídio, a depressão e o estupro. Os personagens são complexos e intensos, com personalidades muito bem definidas. 


A capa é minimalista. A diagramação é repleta de elementos ilustrados que compõem a história. A revisão é exemplar. 


Dou cinco estrelas e recomendo para quem procura uma leitura repleta de experiências desafiadoras!!!

0 comentários: