( Resenha ) A Prometida - Livro 1 da Série Homônima de Kiera Cass @editoraseguinte - Clã dos Livros

( Resenha ) A Prometida - Livro 1 da Série Homônima de Kiera Cass @editoraseguinte

Compartilhe:
Editora Seguinte

Leia a sinopse AQUI.

Resenha


A Prometida é o primeiro livro da Série Homônima de Kiera Cass, autora de A Seleção, que eu li assim que lançou e gostei muito de todos os livros. 

A jovem Lady Hollis Brite gostava muito do rei Jameson, mas o tinha observado o suficiente para saber que passou de uma moça para outra ao longo dos meses anteriores e que provavelmente seu envolvimento com ela não seria duradouro. Assim sendo, a ideia dela era aproveitar enquanto pudesse, depois aceitar quem seus pais escolhessem. 

Jameson era jovem e quando enfim assumisse um compromisso, certamente seria para obter alguma vantagem política com o casamento. Hollis sabia que não podia oferecer nada nesse quesito. 

Mas, apesar de os lordes insistirem que o rei deveria se casar com a princesa de Bannir para preservar a fronteira, ele não conseguia aceitar a ideia. Jameson precisava de tempo para convencê-los de que ao lado de Hollis seria capaz de garantir a segurança do reino de Coroa. 


“Meu coração vibrava impiedosamente, e me perguntei se eles eram capazes de ver. Capazes de ver que ali estava sua rainha.”

Hollis e Delia Grace eram amigas há dez anos e sempre tinham apoiado uma a outra, porém, as coisas mudaram entre elas nos últimos tempos. Faziam parte da corte e suas famílias tinham criadas. Contudo, Delia Grace acabou assumindo o papel de dama de companhia sem que Hollis estivesse em posição para isso, convicta de que sua situação mudaria a qualquer momento, pois sempre acreditou que Hollis conseguiria alcançar mais do que imaginava e que quando menos esperasse se tornaria rainha. 

“O que é uma amiga senão alguém que acredita que você consegue mais do que imagina?” 

Jameson perdeu os pais quando ainda era muito jovem e só voltou a sorrir quando Hollis apareceu em sua vida. Tornando-se uma preciosidade para ele e chamando a atenção de todos ao seu redor. 

O reino de Coroa era vizinho do reino de Isolte, um lugar completamente diferente, governado por Quinten, um rei impulsivo e imprevisível, que costumava agir de forma cruel, achando-se soberano sobre todos. Ele era tão temido que muitos cidadãos acabavam pedindo asilo em Coroa e diante da solicitação do Lorde Eastoffe e sua família, Jameson pediu que Hollis respondesse ao apelo deles e ela concordou que ficassem. 

Jameson pediu que permancessem no castelo, pelo menos por um tempo. Hollis acabou sentindo algo diferente ao se deparar com o olhar do filho mais velho, Silas, cujos olhos chamaram sua atenção. Embora, soubesse que não devia confiar nos isoltanos. 

"A posse mais valiosa que se pode ter é a garantia de um lugar no coração de alguém" 

Hollis sempre achou que seria rainha, pois acreditava que era o que o destino reservou para ela. Mas o misterioso Silas acabou fazendo com que repensasse sobre tudo e revisse aquilo que realmente desejava para seu futuro.

O contexto de A Prometida é semelhante A Seleção, pois também se passa no universo da realeza e contém alguns desdobramentos e momentos clichês. Eu estava realmente ansiosa por uma nova publicação da autora, mas infelizmente acabei não me surpreendendo. 

Apesar da escrita da Kiera ter melhorado consideravelmente e amadurecido de forma muito positiva, arriscando-se e tornando a leitura ainda mais fluída, acredito que ela poderia ter explorado mais da história. Não consegui sentir nenhuma conexão com os personagens, porque senti que faltou personalidade. 

A capa é linda, segue o mesmo padrão de A Seleção, com muita elegância e glamour. A diagramação é ótima e a revisão é exemplar. 

Dou quatro estrelas e recomendo para quem procura uma leitura leve, mas sem grandes expectativas!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

test banner