5 Estrelas,

( Resenha ) A Herdeira - Livro 4 da Série A Seleção de Kiera Cass @editoraseguinte @kieracass

09 agosto Clã dos Livros 0 Comments

Companhia das Letras
Seguinte

Clique na capa e compre o livro na Saraiva
Leia a sinopse, AQUI

Resenha


Eadley é a primogênita do casal Maxon e América, protagonistas dos primeiros livros da série. 

Seu irmão gêmeo Ahren, por 8 minutos se livrou do fardo de governar o país. A moça é uma líder nata e foi criada para governar Illéa.




Quem eu era? Metade de uma dupla de gêmeos. Herdeira de um trono. Uma das pessoas mais poderosas do mundo. A maior distração do país.
Nunca apenas filha. Nunca apenas garota.

Nenhum dos filhos do casal viveu o sistema de castas, já que quando América virou rainha, ela e Maxon aboliram este sistema controlador e injusto. Porém ao contrário do que todos imaginavam, isso ainda afetava a vida da população. Por isso, Eadley não entendia o motivo de seu pai reviver a antiga tradição da Seleção e a princípio não quis participar.



Maxon estava enfrentando muitas revoltas que abalavam a boa imagem que a monarquia tinha, então ele resolveu reviver a Seleção para distrair o povo, enquanto pensava em uma solução. Mas convencer sua filha Eadley parece ser a tarefa mais difícil de todas. Ela está certa de que nunca vai se apaixonar, e de que a Seleção é uma grande bobagem, mesmo assim resolve fazer esse sacrifício por seu país.

Porém, ao longo das páginas a princesa vai descobrir como nasceu o amor de seus pais e se envolver com os candidatos que ela, a princípio odiava.

Alguns canditados se destacam e nos deixam na torcida, como Kile Woodwork, inscrito na seleção sem saber de nada. 

Estava com a sensação de ter aberto pelo menos cem envelopes quando finalmente peguei o último deles. Minhas bochechas doíam, e esperava que minha mãe não achasse ruim se eu pulasse o jantar e comesse sozinha no quarto. Achava que merecia isso de verdade.
- Ah! De Angeles... - rasguei o papel e puxei a última ficha. Sabia que meu sorriso provavelmente tinha vacilado, mas não pude evitar. - Sr. Kile Woodwork.
Eadley e Kile apesar de conviverem desde pequenos, já que ele vivia com sua mãe Marlee no castelo, se odeiam. 
Além dele, muitos rapazes se destacam, nos deixando na dúvida de quem vai conquistar o coração da moça, ou mesmo se algum deles vai conseguir.

Diferente de sua mãe, Eadley não vive um romance, mesmo assim, acaba se envolvendo com vários personagens. 

O enredo segue o mesmo rítmo dos livros anteriores e certamente vai agradar aos fãs da série, porém quem não leu A Seleção, A Elite e a Escolha, pode ler este livro sem problemas, pois A Herdeira está mais para um spin off do que para a continuação da série.

O livro é ótimo. Eu curti tudo, mas o que mais gostei foi o fato de, ao contrário dos romances habituais, não fazermos a mínima ideia de quem será par romântico da protagonista.




Saiba mais sobre a Série, AQUI.


0 comentários: