( Resenha ) O Trono Lobo Gris - Livro 3 da Série Os Sete Reinos de Cinda Williams Chima @Suma_BR

Suma de Letras

Clique na capa e compre o livro na Saraiva

Leia a sinopse, AQUI.

Resenha


No terceiro livro da série “Os Sete Reinos”, após se livrar de Micah Bayar, Raisa tenta retornar para seu reino que está ameaçado pelos Magos, já que estes desejam colocar Mellony (irmã de Raisa) no trono e casá-la com Micah. 

“Raísa também se preocupava com sua mãe. A preocupação comprimia suas entranhas como um espartilho apertado demais. Os longos dias de cavalgada lhe davam tempo demais pra pensar. A mente de Raisa viajava mais rápido que os cavalos: até Fellsmarch, até o castelo de fadas em uma ilha do Rio Dyrnne, até os aposentos particulares da mãe, onde planos estavam sendo feitos para tirar o trono de Raisa.”

Por sua vez, Han Alister não faz a mínima ideia de onde possa estar Rebbeca Morley (nome falso que Raisa deu a ele quando o conheceu) e vai em busca de seu paradeiro. Agora ela talvez fosse a única coisa que lhe restava, já que havia perdido sua mãe e irmã. 

"Cada vez que tento guardar alguma coisa para o futuro, ela é tirada de mim."

Durante os trajetos de cada um, muitas coisas acontecem e o leitor fica mais tenso a cada capítulo para saber qual o desfecho das tramas. Tristes perdas acontecem e temos que nos desligar rapidamente de alguns personagens importantes e queridos.

E quando o destino de Han e Raísa se cruzam novamente, ele a encontra a beira da morte e se torna o único capaz de salvá-la. A partir dai a ligação que já tinham se torna ainda mais forte. No entanto, ao salvá-la, acaba por descobrir que ela o havia traído. Havia escondido sua identidade verdadeira e ainda era a princesa herdeira de Fells. Como ele, um pobre Trapilho e ladrão, poderia ter algum futuro ao lado de uma futura Rainha? 

“Rebecca Morley foi a primeira coisa boa, a primeira coisa verdadeira em sua vida, desde que Mari morrera. Ela representava possibilidades; algo a que ele pudesse aspirar. Algo com o qual ele podia sonhar, um futuro. Apesar de nenhuma promessa ter sido feita entre eles.”

Agora...

"Ele se sentia um tolo, a vítima de uma armação cruel." 

Raisa amadureceu muito com todas as perdas que enfrentou durante o livro e principalmente com a necessidade crescente de tomar decisões importantes a cada capítulo. Algumas vezes teve que renunciar aos seus sentimentos mais profundos e agir com a razão. 

"Saiba que às vezes é preciso escolher o dever em vez do amor. Não se esqueça do dever. Mas escolha o amor quando puder." 

Tenho que confessar que dos três volumes já lidos este foi o meu preferido, talvez porque a autora foi muito feliz na montagem das tramas e conflitos me deixando cada vez mais tensa e preocupada a cada capítulo. A capa continua linda e o livro sempre muito bem organizado alternando ainda as narrativas de Han e Raísa e quando possível, nos trazendo a visão dos dois personagens e as vezes de um terceiro.

Aproveito para convidar vocês para descobrir através dessa leitura maravilhosa o que acontecerá com Raisa... será que chegará bem ao seu destino? E Han será capaz de perdoá-la? Onde estará o bonitão Amon Byrne nessa história?


Saiba mais sobre a Série clicando na imagem abaixo 



Nenhum comentário

Postar um comentário

© BLOG CLÃ DOS LIVROS- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por